MNP

Notícias

11/04/2017
Fonte: Noticias Agricolas

USDA: Plantio 2017/18 do milho chega a 3% nos EUA e fica em linha com a média plurianual

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) já começa a trazer dados oficias sobre o plantio do milho no país e, até o último domingo (9), os trabalhos de campo já estavam concluídos em 3% da área estimada. 

O número ficou em linha com a média dos últimos cinco anos e 1 ponto percentual a menos do que no mesmo período do ano passado, que era de 4%. 

O estado mais adiantado é o Texas - que naturalmente começa a plantar mais cedo do que os demais - e já tem 59% de sua área semeada, contra 45% do mesmo período de 2016 e 50% da média plurianual. Estados como Iowa, Indiana, Minnesota, por exemplo, ainda não deram início efetivo aos seus trabalhos de campo. 

Expectativas de Área

Em seu reporte de intenção de plantio, divulgado em 31 de março, o USDA estimou a área de milho em36,22 milhões de hectares na safra 2017/18, apresentando um recuo em relação a 2016/17 de 4%. 

USDA Área - Março 2017

              
Outras notícias
25/04/2018 - Plataforma GRATUITA para acompanhamento de Propriedades
25/04/2018 - Agrinho MS: Sistema Famasul e Governo de MS assinam convênio de parceria
25/04/2018 - Veterinários irão à Venezuela em maio para auxiliar no combate à aftosa
25/04/2018 - Preço pago ao produtor de leite no RS deve subir 2,2% em abril
24/04/2018 - Projetos sustentáveis reduzem desmatamento na Amazônia
24/04/2018 - Agrinho 2018: Conheça melhor os assuntos que devem ser trabalhados no programa este ano em MS
24/04/2018 - Embrapa apresenta documento com a visão de futuro para a agricultura brasileira
24/04/2018 - JBS investe R$ 13 mi para ampliar produção de hambúrguer em plantas paulistas
23/04/2018 - Supremo marca para 17 de maio julgamento de embargos do Funrural
23/04/2018 - Governo do Estado altera decreto e incentiva exportação de grãos pela fronteira de MS
Mais Notícias
 

Endereço:
Rua Raul Pires Barbosa, 116
Campo Grande/MS

Telefones:
(67) 3341-1444

E-mail:
contato@mnp.org.br