MNP

Artigos

08/12/2014
Fonte: Miguel Cavalcante

ARTIGO MIGUEL CAVALCANTI BEEF POINT

Bom dia, tudo bem?

 

Participei ontem do que deve ser meu último evento de 2014, e assisti uma palestra do Roberto Shinyashiki em que aprendi e revi muita coisa boa. Queria te colocar os principais pontos que anotei e te convidar para uma reflexão também. Eu achei excelente!

 

1- Não valorize o cansaço, a dor, o sono, a dúvida. Sempre que você estiver atrás de um grande objetivo, você vai ter que dedicar muito, e vai chegar o sono e o cansaço, e você pode escolher: vai valorizar ou não essas sensações. Se você não valorizar, vai seguir em frente e se dedicar mais... Eu me lembrei que esse ano, inclusive nesse mesmo final de semana, eu tinha esquecido do cansaço, para me dedicar ao que considerava mais importante. E o resultado tinha valido a pena.

 

2- Campeões são eternos insatisfeitos. Não se contentam com pouco, não se contentam com o que tem. Querem sempre avançar, melhorar, se aperfeiçoar. Você está dentro da sua zona de conforto, ou está constantemente procurando se superar? Isso também é uma escolha, só sua.

 

3- Você pode buscar o elogio ou a orientação. A maioria está atrás de receber elogios, mas o que realmente vale é a orientação. Alguém que vai te contar a verdade, e te mostrar onde você pode melhorar. Terminamos semana passada o BeefSummit que foi muito elogiado por todos, mas nós aqui no BeefPoint temos inúmeras anotações de pontos a melhorar, e estamos abertos a ouvir as sugestões de quem quiser nos ajudar a melhorar. Orientação, em especial de gente boa, que admiramos e respeitamos é muito melhor do que elogio, apesar de nem sempre ser o mais agradável.

 

4- Tenha o modelo mental do cirurgião, onde os erros são pagos com vidas. Você fez o seu melhor? Você revisou o que precisava ser revisado mesmo? Ninguém pergunta a um cirurgião saindo de uma sala de cirurgia se ele está com fome, se ele almoçou, etc. Todos só querem saber qual foi o resultado da cirurgia. Qual foi o resultado. Eu gostei muito dessa metáfora e me lembrou dessa busca por melhorar e por fazer o melhor, sempre.

 

5- O que define seus resultados são sua certezas absolutas. Você acredita em você? Você acredita que será capaz? Você acredita? Revise suas certezas absolutas. Elas podem estar te ajudando a fazer o impossível, ou te travando, te segurando, te freando, te impedindo de melhorar.

 

6- Não deixe a Dilma decidir quanto você vai ganhar em 2015. Ele falou: estamos com uma sensação generalizada de que 2015 será um péssimo ano para a economia brasileira, mas e o seu negócio, como vai ser? Eu me lembrei que eu concordo que será um ano muito difícil, mas sim, eu estou muito otimista em relação ao BeefPoint em 2015. Com os ajustes, erros, aprendizados e investimentos de 2014, minha meta para 2015 é dobrar o BeefPoint, incluindo o AgroTalento. E o seu resultado, vai ser definido por quem?

 

7- Empresários milionários adoram vender. Empresários falidos adoram produzir. Eu achei a frase bem dura, mas um ótimo lembrete de que é preciso investir em entender sobre comercialização, em todos os negócios. Precisamos melhorar nossa habilidade de venda, de compra, de negociação. Só produzir sem saber vender não é garantia de sucesso.

 

Para finalizar, uma das frases que mais te me marcado nesses últimos meses, desde que ouvi pela primeira vez num evento na Arizona, nos EUA, em outubro recente:

 

O ativo mais valioso de um empreendedor é sua auto-confiança. Preserve-a, cultive-a, se junte a pessoas que vão te ajudar nessa empreita. Se você perder tudo e manter a auto-confiança, é possível recomeçar do zero. Mas sem auto-confiança é impossível.

 

Muito obrigado pela sua companhia. Um grande abraço, Miguel

              
Outras notícias
15/09/2017 - Reflexos da reforma trabalhista no meio rural
13/09/2017 - O Brasil não está só no universo pecuário global
04/09/2017 - Agosto foi à gosto de quem?
01/09/2017 - O uso da ureia na nutrição de bovinos e sua viabilidade econômica
28/08/2017 - Os desafios para os pecuaristas adotarem integração lavoura-pecuária - parte 2
16/08/2017 - Imposto Territorial Rural 2017: muda o ano, permanecem os problemas
16/08/2017 - Imposto Territorial Rural 2017: muda o ano, permanecem os problemas
04/08/2017 - Seu patrimônio rural está aumentando e evoluindo?
28/07/2017 - Mercado do boi com indícios de sustentação nos preços
28/07/2017 - Boi como renda fixa?
Mais Artigos
 

Endereço:
Rua Raul Pires Barbosa, 116
Campo Grande/MS

Telefones:
(67) 3341-1444

E-mail:
contato@mnp.org.br