MNP

Notícias

13/12/2017
Fonte: globo rural

Temer diz que negocia abertura de mercado da Macedônia para carne suína

No discurso, Temer falou que hoje era um "dia histórico" e saudou a comitiva internacional pela abertura oficial da Embaixada da Macedônia no Brasil

Em brinde no Palácio do Itamaraty por causa da visita oficial do presidente da Macedônia, Gjorge Ivanov, o presidente Michel Temer disse nesta terça-feira (12/12) que acredita que o Brasil fechará em breve um acordo comercial para exportar carne suína para o país do leste europeu. "Está em exame muito acentuado a possibilidade (dessa exportação), esperamos que dê certo, esse é o nosso desejo", afirmou Temer, ressaltando que o hoje o Brasil já exporta carne de frango e bovina.

O brinde, feito antes do almoço que será oferecido ao presidente da Macedônia e sua comitiva, foi acompanhado por ministros brasileiros, entre eles o da Agricultura, Blairo Maggi. Segundo dados do Ministério da Indústria Comércio Exterior e Serviços (MDIC), o Brasil exportou 8,52 mil toneladas carne de aves para a Macedônia de janeiro a novembro de 2017.

Não consta o registro de venda de carne bovina este ano para lá. No total de janeiro a novembro deste ano, o Brasil vendeu à Macedônia US$ 18,6 milhões, sendo que 97% desse valor é resultado da venda de carne de frango. O Brasil compra da Macedônia principalmente - 57% - autopeças para carros e tratores. No total, a importação, por parte do Brasil, de produtos do país do leste europeu movimentou neste período US$ 3,4 milhões, resultando num saldo comercial positivo de US$ 15 milhões.

No discurso, Temer falou que hoje era um "dia histórico" e saudou a comitiva internacional pela abertura oficial da Embaixada da Macedônia no Brasil, que já funciona em Brasília. Segundo Temer, a escolha do Brasil para sediar a embaixada do país na América Latina significa o "reconhecimento da importância do Brasil no cenário mundial".

Temer exaltou ainda a primeira visita de um chefe de Estado da Macedônia ao Brasil, disse que os dois países perseguem objetivos comuns e afirmou que a "promoção da paz e do desenvolvimento" são objetivos básicos da condução do Brasil. "Compartilhamos ainda o compromisso com a democracia e os direitos humanos", afirmou. O presidente macedônio elogiou as reformas do governo Temer e a promoção do Estado de direito no Brasil e ao redor do mundo.

Ele afirmou que o Brasil é uma força motriz do multilateralismo no cenário do comércio global e tem se dedicado ao diálogo sincero entre os países. O chefe de Estado disse que está prestes a firmar acordos na área de ciência e tecnologia. Ivanov ressaltou o fato de o Brasil ter enviado tropas para a região do país no Leste Europeu numa missão das Nações Unidas e citou o combate comum ao terrorismo e à xenofobia. O presidente da Macedônia contou que uma grande parte da população de seu país torce pela seleção brasileira de futebol. (Colaborou Camila Turtelli)

              
Outras notícias
19/06/2018 - Valor da produção agropecuária recua 2,3% para R$ 552 bi
18/06/2018 - Câmara aprova criação do Dia Nacional do Rodeio
18/06/2018 - Produtor brasileiro vira rei da cebolinha no Japão
18/06/2018 - Mercado financeiro espera por manutenção da Selic em 6,50% esta semana
18/06/2018 - Com 81,25% dos votos válidos, Mauricio Saito é reeleito presidente da Famasul para o triênio 2018/20
15/06/2018 - Temer sanciona sem vetos lei que trata de fiscalização de alimento artesanal
15/06/2018 - Exportações do agro crescem e atingem US$ 9,97 bilhões
15/06/2018 - Vazio sanitário em MS inicia nesta sexta-feira (15)
15/06/2018 - Frete mínimo congelou entregas de fertilizantes, diz Anda
14/06/2018 - Fiesp adere à ação da CNA contra tabelamento do frete
Mais Notícias
 

Endereço:
Rua Raul Pires Barbosa, 116
Campo Grande/MS

Telefones:
(67) 3341-1444

E-mail:
contato@mnp.org.br