MNP

Notícias

07/03/2018
Fonte: Agron

Com produção menor, EUA abrem caminho para o Brasil

Brasil consolida sua posição como maior exportador mundial de soja e amplia as exportações de milho

 

A produção norte-americana será menor em 2018. As estimativas iniciais apontam para 365,5 milhões de toneladas de milho (5,5 milhões de toneladas a menos que em 2017) e 117,5 milhões de toneladas de soja (queda de 2 milhões de toneladas). Mesmo com a redução do potencial produtivo, os Estados Unidos pretendem ampliar sua participação no mercado internacional da oleaginosa. Mas devem recuar no mercado internacional do cereal. O anúncio foi feito pelo Departamento de Agricultura do país, o USDA, durante o 94th Agricultural Outlook Forum 2018, em Arlington, Virginia.


Mesmo ampliando os embarques, os EUA não devem reassumir a liderança nas exportações de soja. Na temporada passada, o Brasil exportou 68,15 milhões de toneladas da oleaginosa, contra 59,16 milhões de toneladas dos norte-americanos. “Este ano eles querem e vão ampliar sua presença no mercado. Mas longe de ameaçar a liderança do Brasil”, afirma o gerente do Núcleo de Agronegócio Gazeta do Povo e coordenador da Expedição Safra, Giovani Ferreira, que participou do evento e acompanhou todos os debates sobre o tema.


Segundo ele, a analista do USDA, Joana Hitchner, anunciou que a intenção é ampliar as exportações para 62 milhões de toneladas este ano – 5,4 mi t a mais que ano passado. “Hitchner destacou que não será uma tarefa fácil, principalmente devido a forte presença do Brasil no mercado global”, explica Ferreira. No milho, os norte-americanos devem perder mercado, sobretudo para o produto brasileiro. “Os embarques de milho dos EUA em 2018 devem somar 48,26 milhões de toneladas, 3,8 milhões de toneladas a menos que no exercício anterior”, completa.


Em 2018, conforme estimativas da Expedição Safra, as exportações brasileiras têm potencial entre 69 e 70 milhões de toneladas de soja e 32 milhões de toneladas e milho.


Em queda

A renda agrícola das propriedades norte-americanas também foi pauta durante o evento. Segundo o economista-chefe do USDA, Robert Johansson, a renda líquida, já descontada a inflação, será 50% menor em 2018 em comparação a 2013. “Há cinco anos, a receita líquida da atividade agrícola atingiu recorde de US$ 120 bilhões. Para este ano, Johansson citou um estudo que aponta para um desempenho de US$ 59,5 bilhões”, ilustra Ferreira.


Entre as principais causas estão a retração da agricultura norte-americana, o aumento do endividamento do produtor e a queda nas cotações da soja e do milho. Para solucionar o quadro, o secretário de Agricultura dos Estados Unidos, Sunny Perdue, falou em reforma tributária e regulatória, investimento em infraestrutura e políticas agrícolas mais eficientes. Em 2019 o país também pretende reformular a Farm Bill, lei agrícola dos EUA.


----------------------------------
Sobre a Expedição Safra

A Expedição Safra faz um levantamento técnico-jornalístico da produção de grãos da América do Sul à América do Norte. Em sua 12ª temporada, o projeto percorre 12 estados brasileiros nas etapas de plantio e colheita. Para ampliar a discussão sobre mercado, desde a temporada 2010/11 a equipe realiza roteiros extraordinários, com incursões à Alemanha, Holanda, Bélgica, França, China, Índia, Israel, Rússia e ao Canal do Panamá. A Expedição Safra é uma iniciativa do Núcleo de Agronegócio Gazeta do Povo e conta com o patrocínio da Caixa Econômica Federal, Sementes Castrolanda, Agrotech, Alta, Expo Londrina, CREA-PR, Rumo, Integrada, C.Vale, CME Group, FAEP e Ocepar.

 

 

 

              
Outras notícias
19/06/2018 - Valor da produção agropecuária recua 2,3% para R$ 552 bi
18/06/2018 - Câmara aprova criação do Dia Nacional do Rodeio
18/06/2018 - Produtor brasileiro vira rei da cebolinha no Japão
18/06/2018 - Mercado financeiro espera por manutenção da Selic em 6,50% esta semana
18/06/2018 - Com 81,25% dos votos válidos, Mauricio Saito é reeleito presidente da Famasul para o triênio 2018/20
15/06/2018 - Temer sanciona sem vetos lei que trata de fiscalização de alimento artesanal
15/06/2018 - Exportações do agro crescem e atingem US$ 9,97 bilhões
15/06/2018 - Vazio sanitário em MS inicia nesta sexta-feira (15)
15/06/2018 - Frete mínimo congelou entregas de fertilizantes, diz Anda
14/06/2018 - Fiesp adere à ação da CNA contra tabelamento do frete
Mais Notícias
 

Endereço:
Rua Raul Pires Barbosa, 116
Campo Grande/MS

Telefones:
(67) 3341-1444

E-mail:
contato@mnp.org.br